Fenômeno Cultural: Esportes Radicais Como Estilo de Vida

A vida em sociedade pressupõe o convívio de grupos essencialmente heterogêneos. De acordo com as preferências individuais, formam-se coletividades que se identificam com pensamentos e/ou atividades semelhantes, que compões o chamado “estilo de vida”.

É o caso, por exemplo, dos esportes radicais: o apelo às modalidades de aventura ganha cada vez mais força no Brasil e no mundo, formando ‘tribos’ com interesses correlacionados.

Neste post, você vai saber um pouco mais sobre a influência dos esportes radicais na cultura moderna, entendendo como a disseminação da prática caracterizou um fenômeno social e contribuiu para definir um estilo de vida muito particular.

A influência dos esportes radicais: da popularização à atualidade

A década de 60 marcou um forte movimento de ascensão para os esportes radicais. A partir deste período, modalidades antes consideradas ‘perigosas’ e restritas a uma parcela pequena da população foram sendo valorizadas e apreciadas por um número bem maior de pessoas.

É nítido, portanto, que as últimas décadas assistiram a uma mudança expressiva na escolha e na preferência esportiva: skate, patins e wakeboard, por exemplo, são algumas das modalidades radicais que estão presentes no cotidiano de uma fatia cada vez maior de indivíduos — principalmente os jovens.

E não é difícil reiterar este panorama: a expansão e o crescimento de espaços (sejam públicos ou privados) destinados à prática de esportes radicais, bem como o incentivo à experiência, é, além de inegável, cada vez mais significativa.

Os esportes radicais enquanto fenômeno cultural: um estilo de vida particular

Influência do esporte

Ninguém ousaria negar a influência do esporte, seja ele qual for, na vida das pessoas que o praticam. O que ainda parece novidade, muito embora seja um fato repetida e empiricamente comprovado, é a influência das modalidades esportivas em um âmbito muito maior: o da própria sociedade.

Ao se apaixonar por uma vertente esportiva, o indivíduo entra em contato com uma série de valores específicos, os quais estão intimamente ligados à filosofia do esporte e às características valorizadas por seus praticantes. Mas não apenas ele, de forma isolada e autônoma, é afetado pelo conjunto de atributos que determina sua ‘tribo’: todo o contexto social no qual está inserido é direta ou indiretamente atingido.

A popularização dos esportes radicais

No caso das modalidades radicais, essa relação é ainda mais nítida: com a popularização das categorias de aventura, que suscitam o senso de desafio e caracterizam-se principalmente pela liberação de adrenalina, houve o fortalecimento de um conjunto de valores e condutas que distinguem as ‘tribos’ entre si e frente à sociedade, conferindo particularidades específicas. É o que costumamos chamar de ‘estilo de vida’.

No skate ou no surf, por exemplo, a busca pela diferenciação, valendo-se de aspectos que vão do estilo de se vestir às preferências musicais, é bastante evidente entre seus praticantes.

A referência se solidifica com a alta popularidade de alguns atletas que alcançaram expressão global e se tornaram responsáveis por difundir o estilo de vida de suas tribos – Tony Hawk, do skate, e Kelly Slater, do surf, são exemplos primorosos de celebridades que movimentam uma grande indústria em função do conjunto de valores e condutas que defendem.

Diante disto, seria errôneo dizer que os esportes radicais são simples alternativas de lazer e diversão. Na atualidade, as modalidades de aventura despontam como um fenômeno cultural acentuado, reunindo indivíduos que se identificam com atributos diretamente relacionados ao estilo de vida que levam – e que acabam por difundir.

E você, como praticante de esportes radicais, consegue notar sua influência no seu estilo de vida? Deixe seu comentário abaixo e compartilhe suas experiências conosco!

Se você ainda não nos segue nas redes sociais, curta nossa página no Facebook e siga-nos no Instagram para ficar por dentro das novidades, ofertas e promoções!

div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container {background-color: transparent;background-size: initial;background-position: top center;background-attachment: initial;background-repeat: no-repeat;}#stuning-header div.page-title-inner {min-height: 250px;}